anúncios

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Instalando e Configurando Servidor Openfire e Cliente Spark no Debian e CentOS

O que é Openfire ?
Openfire é um servidor de colaboração em tempo real (RTC) licenciado sob a Licença Open Source Apache. Ele usa o protocolo aberto apenas amplamente adotado para mensagens instantâneas, XMPP (também chamado Jabber). Openfire é incrivelmente fácil de configurar e administrar, mas oferece segurança sólida e desempenho. [1]
O que é Spark ?
Spark é um Open Source, multi-plataforma cliente IM otimizada para empresas e organizações. Ele apresenta suporte embutido para chat em grupo, integração de telefonia, e uma forte segurança. Ele também oferece uma ótima experiência do usuário final com vários recursos. Combinado com o servidor Openfire, Spark é a alternativa mais fácil e melhor para a utilização de redes de mensagens instantâneas públicas un-secure. [2]
Qual é a vantagem do Openfire em conjunto com o Spark ?
Ferramenta de comunicação instantânea corporativa interna, em substituição do Lync da Microsoft.
  • Todas as conversas são gravadas e pode ser pesquisado por usuário ou palavra chave.
  • Mostra o tempo de duração de cada conversa.
  • Fazer conferência
  • Criar grupo
Depois de conhecer o Openfire e pra que ser serve, podemos seguir os procedimentos de instalação e configuração do Openfire em seu servidor GNU/Linux Debian ou CentOS/RHEL.
Observação: Testado no GNU/Linux Debian 8 (Jessie) / CentOS 6.7 como servidor para o Openfire na versão 4.0.3 e o Windows 7 Professional e Debian como cliente para o Spark na versão 2.7.7 até a data de publicação deste post.
No Debian
Atualizando o repositório de pacotes
# apt-get update
Instalando os pacotes pré-requisitos necessários
# apt-get install apache2 libmysqlclient15-dev mysql-server php5 php5-gd php5-mysql php5-curl libmysql-java default-jre-headless

No RHEL/CentOS
Atualizando o repositório de pacotes
# yum update
Instalando os pacotes pré-requisitos necessários
# yum install httpd mysql-server mysql-devel php php-mysql php-gd
Startar o serviço do Apache
# systemctl start httpd.service

Criando o banco de dados openfire no MySQL
# mysql_install_db
# mysql -u root -p
Enter password: < digite a senha de root que foi definida na instalação do MySQL >
mysql> create database openfire character set utf8;

Criar o usuário openfireuser para o banco openfireuser
mysql> GRANT ALL PRIVILEGES ON *.* TO openfireuser@localhost IDENTIFIED BY 'senha_openfireuser' WITH GRANT OPTION;
Query OK, 0 rows affected (0.00 sec)
mysql> quit


Download do Openfire
No Debian
$ wget http://www.igniterealtime.org/downloadServlet?filename=openfire/openfire_4.0.3_all.deb -O openfire_4.0.3_all.deb
No RHEL/CentOS
$ wget http://www.igniterealtime.org/downloadServlet?filename=openfire/openfire-4.0.3-1.i386.rpm -O openfire-4.0.3-1.i386.rpm

Instalação do Openfire
No Debian
# dpkg -i openfire_4.0.3_all.deb
No RHEL/CentOS
# rpm -i openfire-4.0.3-1.i386.rpm

Após executar o pacote openfire_4.0.3_all.deb no Debian ou openfire-4.0.3-1.i386.rpm no RHEL/CentOS, acesse no browser - http://IPSERVIDOR:9090

Segue os procedimentos dos screenshots abaixo:
Selecione o idioma que deseja instalar o Openfire e clique no botão Continuar
Coloque o seu domínio e clique no botão Continuar

Marque o radio button Conexão Padrão do Banco de Dados e clique no botão Continuar

Configuração do banco de dados MySQL com Openfire
Predefinições do Driver de Banco de Dados: MySQL.
Classe do Driver JDBC: com.mysql.jdbc.Driver
URL do banco de dados: jdbc:mysql://127.0.0.1:3306/openfire?rewriteBatchedStatements=true
Nome do Usuário: openfireuser
Senha: (criada para o usuário openfireuser)
Minimum Connections: 5
Maximum Connections: 25
Tempo de expiração da Conexão: 1.0



Marque o radio button a opção Padrão e clique no botão Continuar
Defina uma senha para o administrador do Openfire e clique no botão Continuar

Pronto. Clique no botão Logue-se no controle da administração com dados: admin e a senha que criou para o admin

Acesse como admin e a senha que definiu para o admin

Cria um usuário e uma senha default para um cliente que será usado no Spark na conexão com o Openfire


Com o Openfire instalado e configurado corretamente, conforme os procedimentos acima, precisamos instalar o Spark como cliente do Openfire.
O Spark tem disponível para os SOs Windows, Linux e MacOS, o site para download é http://www.igniterealtime.org/downloads/

Existem outros clientes do Openfire também, como pode observar no site, mas nesse Howto será utilizado o Spark, porém você pode usar outro se preferir.
Basicamente para conectar o cliente no servidor Openfire, será solicitado o IP do servidor, o usuário e a senha.
Spark Client no Windows, segue o padrão convencional de instalação de software for Windows: Next, Next e Finish
Spark Client no Linux (qualquer distro)
$ http://www.igniterealtime.org/downloadServlet?filename=spark/spark_2_7_7.tar.gz
$ tar -xzvf spark_2_7_7.tar.gz
$ cd Spark
$ ./Spark
Se preferir depois pode adicionar um atalho no menu do gerenciador de Janelas que utiliza na distro Linux
Ao abrir o Spark, digite o usuário, senha e o IP do servidor Openfire, e clicar no Login.
Caso esteja navegando na Internet por meio do Proxy, clica no botão Avançado, segue:
Marcar o checklist Usar Proxy
Selecionar o tipo de protocolo do Proxy
Endereço IP do servidor Proxy
Porta do servidor Proxy
Usuário e senha que utiliza para autenticar no servidor Proxy
Clica no botão OK.
O modo de usar o Spark Client é bem similar ao antigo MSN, podendo adicionar membros no contatos e conversar entre si.

Cliente Spark conectando com o Servidor Openfire no usuário e senha criado

Cliente Spark Linux e Windows conectados no Servidor Openfire
Veja o exemplo de conversa no screenshot abaixo:

Referências
[1] http://www.igniterealtime.org/projects/openfire/index.jsp

[2] http://www.igniterealtime.org/projects/spark/index.jsp
Feito!

Nenhum comentário:

Postar um comentário